Sociedade Brasileira de Toxinologia – oficialmente o Soro Antiapílico

Hoje tive a honra de apresentar à minha Sociedade (Sociedade Brasileira de Toxinologia) oficialmente o Soro Antiapílico.

Foram 10 anos como aprendiz de especialização, mestrado, doutorado e pós-doutorado. E mais 10 anos como pesquisador para chegar até aqui. Agora com 21 anos de maioridade científica sinto-me confiante para dividir a mesa com algumas de minhas referências. XV Congress of the Brazilian Society of Toxinology, may 26-29, 2019. São Pedro, Brazil.
Mesa redonda: Antivenoms

Chairs: Denise V. Tambourgi, Instituto Butantan, São Paulo, Brazil and Dimas T. Covas, Instituto Butantan, São Paulo, Brazil

An overview of the production of antivenoms in the world
Denise V. Tambourgi (Instituto Butantan, São Paulo, Brazil)

Procedures for registration of hyperimmune sera in Brazil
Neemias Silva de Andrade (GPBIO,ANVISA, Brasília, Brazil)

Prospecting, development, optimization and clinical trial of new antiapilic antivenom
Rui Seabra Ferreira Junior (CEVAP, Botucatu, Brazil)

Strategies to improve the availability of antivenom for treating snakebite envenoming in Africa
Jose Maria Gutierrez (Universidade da Costa Rica, San Jose, Costa Rica)

Program for attention to accidents by venomous animals in the State of São Paulo.
Dimas Covas (Director, Instituto Butantan, Brazil)

 (Texto ; . Professor Rui Seabra Ferreira Junior)

Nenhuma descrição de foto disponível.