Cevap 1º Lugar no Programa de Pós- Graduação em Pesquisa Clínica

 

 

RESUMO

Este projeto tem como objetivo o desenvolvimento de um dispositivo analítico baseado em papel projetado para detectar rapidamente, monitorar e diagnosticar clinicamente o envenenamento por abelhas Apis mellifera (AM). Utilizando a tecnologia de impressão em cera, iremos fabricar um dispositivo de detecção de grau de envenenamento por AM, corrigindo limites hidrofóbicos no papel. Este dispositivo de detecção de envenenamento por AM emprega um ensaio colorimétrico de ditionito de sódio ou um ensaio de ácido ascórbico para indicar o nível de envenenamento por AM num sistema tampão ou num sistema de soro humano em 10 min. As alterações colorimétricas, de cor azul, podem ser observadas a olho nu. Para a produção do dispositivo, iremos analisar os seguintes modelos: 1. modelo de curva de ensaio de ditionito sódico e ácido ascórbico em soro humano normal (10 amostras de indivíduos controles sem qualquer doença crônica ou adquirida); 2. avaliaremos os níveis de veneno sérico de 10 pacientes acometidos por múltiplas picadas de abelha antes do tratamento com o soro antiapílico; 3. avaliaremos os níveis séricos de 10 pacientes acometidos por mútiplas picadas de abelhas após o tratamento com o soro antiapílico. Como evidenciado por resultados de detecção semelhantes, o desempenho analítico do nosso dispositivo pode competir com o desempenho do mais alto padrão clínico, ou seja, espectrofotometria, tendo como diferencial a preparação de amostra menos laboriosa e obtenção de resultados mais rápidos. Assim, acreditamos que a nossa detecção rápida do nível de envenenamento por AM pode beneficiar a equipe médica, determinando estratégias oportunas de tratamento para pacientes com quadro de multiplas picadas de abelhas quando atendidos nos hospitais. Sendo assim, essa abordagem biotecnológica poderá aumentará as taxas de sobrevivência desses pacientes.

Palavras-chave: ditionito sódico, ácido ascórbico, tester rápido, envenenamento por abelhas, Apis mellifera.

MSc Leticia Gomes de Pontes

Center for the Study of Venoms and Venomous Animals
School of Medicine – Sao Paulo State University
Visiting researcher at Veterinarski fakultet Sveučilišta u Zagrebu

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *